Google+ Followers

sábado, 15 de dezembro de 2012

Andarilha



De olhos fechados com a brisa suave a envolver os meus cabelos, sentir o aroma da terra a envolver-me, como num abraço de boas-vindas. Infinita calmaria que me abraça e me consola, peço que me leve embora dessa loucura urbana. 

Pertenço a qualquer estereótipo banal, não perdendo jamais meu o sentido, o que almejo e talvez sem uma estrada definida seria ideal.  

Não me deram opções...Permaneço livre para formular a minha opção, fazer e dar sentido ao que realmente sou e o que essencialmente busco.

Por Mah Magnusson